Calar o Wikileaks é justo?

By | 16 de dezembro de 2010

Julian-AssangePessoal o top das noticias nesses últimos meses é Wikileaks, todos os jornais contam as várias informações descritas nos telegramas vazados, provocando uma ira absurda contra o fundador do Wikileaks o Julian Assange, já parou até na Interpol como o segundo mais procurado!
Depois da divulgação dos telegramas começou uma perseguição contra Assange, em Setembro a Suécia decide abrir o caso novamente do Assange levando a prisão em Dezembro em Londres, solto agora dia 16/12/2010 fiança básica de 200 mil libras.
Assange estava em Estocolmo dando palestras, e acabou se enrolando com duas mulheres em datas distintas, e uma delas alega que a camisinha estourou e a outra fala que ele não quis usar camisinha, que na Suécia é considerado estupro leve, com pena de prisão.
Já pensou se todas as pessoas acusadas de crimes sexuais estivessem na pagina da Interpol?
Em minha opinião foi um ato desesperado dos EUA, você acha que depois de tantas noticias o Assange poderia se esconder? O perfil do Assange não é de fugir ou se esquivar, ele se entregou a policia.
EUA não pode subestimar a inteligência alheia, não somos idiotas, a mídia e nem a população acredita nesse “fiasco”, os EUA alegam que não estão perseguindo Assange, vamos aos fatos que se justificam por si só.
EUA começou a bloquear as contas de doações como Paypal, Mastercard, Visa e PostFinance, automaticamente começou uma guerra cibernética, chamada de “OperatioPayback” acompanhei boa parte dos ataques, que foram ministrados pelo IRC, em três dias seguidos foram vários ataques, os mais fortes foram ao Paypal e Mastercard.
As doações foram canceladas para dar suporte ao Wikileaks, mas você pode usar Visa e Mastercard para pagar pornôgrafia e apoiar o ku klux klan! Justo não acha?
Automaticamente alguns sites http://www.anonops.eu que estavam promovendo as ações começaram sofrer ataque e também o IRC, fazendo com que os mesmos ficassem fora do ar, para dificultar a comunicação, difícil conseguir!
O site oficial Wikileaks.org a EveryDNS.com tirou do ar, mas em seguida surgiu o wikileaks.ch e agora tem vários mirrors “espelhosdeve ter pelo menos uns 2000 mil sites espalhados pelo mundo, ou seja, querer dominar todo o planeta é praticamente impossível.
São muitos fatos para publicar aqui em um post, mas o meu protesto fica registrado, se os EUA tratassem os outros Países com respeito e não escrevesse besteiras nesses telegramas nada disso teria acontecido, serve como um “cala a boca” sobre aqueles que pregam a (democracia americana), que hoje escorre mentiras, corrupção e intervencionismo!

Sou a favor de transparência inclusive no Brasil somente assim podemos cobrar e fazer um País mais justo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *